Atividades Regulares

 Domingo

8h – Reunião de Oração

9h – E. B. D (Escola Bíblica Dominical)

10h30 – Culto Matinal

19h – Culto Noturno

 Terça-feira

19h30 – Culto de Oração

 Quinta-feira

19h30 – Estudos Bíblicos

 Sábados ímpares

19h30 – Culto da Juventude

 Sábados pares

20h – Encontro dos casais

Login

Quem está Online

Temos 55 visitantes e Nenhum membro online

Uma Nova Criatura

Uma Nova Criatura”

 

“Pelo que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo.” (II Cor. 5.17)

 

     As notícias sobre o êxodo de milhares de homens e mulheres vivendo no exílio têm chocado todo homem de bem. Andam de país em país buscando um refúgio, uma nova oportunidade, uma nova vida. Buscam a reconstrução de si próprios e de suas famílias. São órfãos de nacionalidade.

     Entretanto, essa mesma situação é vivida por milhões de pessoas em todos os lugares. Estão vivendo sem Cristo, estão vivendo sem esperança, estão vivendo exilados neste mundo de pecado, de maldade cada dia mais crescente, de imoralidade cada vez mais abrangente.

     O escritor Henry Dyke afirmou: “Um homem sem um país é um exilado no mundo, um homem sem Deus é um órfão na eternidade.”.

     Podemos inferir que o homem sem Cristo em sua vida entrará na eternidade como um exilado para sempre.

     Entretanto, o propósito de Deus, o desejo de Deus para todos os homens e mulheres que vivem abatidos, cansados, oprimidos, que estão buscando uma reconstrução para suas vidas, para suas famílias, é transformar cada um em “Uma Nova Criatura”.

     É o que Deus tem, nesta noite, para você que está participando desse culto a Deus. Uma esperança nova, um sonho novo, um caminho novo em Cristo Jesus. É fazer de sua vida uma nova vida. Uma Nova Criatura.

 

“Uma Nova Criatura”

 

I – Uma Nova Criatura em seus relacionamentos com Deus.

     A - Para Lei de Deus. Deus nos une em Cristo

     1 Fica livre da condenação.

“Quem nEle crer, não é condenado, mas quem não crer já está condenado, por não não crer no nome do filho unigênito de Deus.”

     2 Deixam as garras do exílio eterno

“Portanto, agora já não há condenação para os que estão em Cristo Jesus (Rom. 8.1)

     B - Para o governo de Deus

O desgoverno dos nossos dias provoca ansiedade e insegurança quanto ao futuro, quanto ao dia de amanhã. As injustiças em todos os níveis são uma constante nos noticiários. Um juiz manda soltar um traficante que estava preso há 15 anos e, tinha outro julgamento dali a oito dias. No dia do julgamento não apareceu, e ele não foi mais encontrado. A impunidade tem sido a marca dos governos do nosso país, e de tantos outros. Mas, há esperança, há uma promessa de um novo governo, de uma nova terra, de uma nova vida, em Jesus Cristo: o apóstolo Paulo ao escrever aos homens e mulheres da cidade de Éfeso que estavam se sentindo exilados, sem governo, afirma que esse tempo, para os que creem, acabou: “... naquela época estavam sem Cristo, separados da comunidade de Israel, sendo estrangeiros (exilados) quanto às alianças da promessa, sem esperança e sem Deus no mundo. Mas agora, em Cristo Jesus, vocês, que antes estavam longe, foram aproximados mediante o sangue de Jesus. Portanto, vocês já não são estrangeiros nem forasteiros (exilados), mas concidadãos dos santos e membros da família de Deus. (Ef. 2.12,13,19). Deus apaga o passado.

     C - Para a família de Deus.

Essa é a dimensão da nova vida, da nova criatura iniciada pelo novo nascimento, pelo novo relacionamento com Jesus Cristo. Todos passam a fazer parte da família de Deus. Somos recebidos como irmãos, cada cristão passa ser membro da família da fé. Jonh Bowring afirmou: “Uma família é uma espécie de céu prematuro.”.

     Parafraseando esse escritor podemos afirmar que “pertencer à família de Deus é o céu na terra”.

 

“Uma Nova Criatura”

 

II – Uma Nova Criatura em suas relações para com os outros homens.

     A - Novos em suas responsabilidades. Quantos homens e mulheres antes de um encontro com Cristo, tinham dificuldades em se relacionar, em crescer nas suas amizades. Esposa de gênio irracível, esposo sempre mal humorado, filhos desobedientes, cidadão omisso nos seus deveres.

     Agora, uma nova vida, uma nova oportunidade, um recomeço, uma escravidão que ficou para traz. Uma reconciliação com as pessoas, uma reconciliação com Deus: “De sorte que somos embaixadores por Cristo, como se Deus por nós vos exortasse. “Rogo-vos, pois, por Cristo que vos reconcilieis com Deus.” (II Cor. 5.20).

     2 Deus concedeu a nós o privilégio de termos a palavra de reconciliação.

     B Abre novas oportunidades

     1 Cada crente em Jesus tem uma porta aberta diante de si.

     Porta aberta para conversar com Deus, para derramar suas lágrimas diante de Deus, porta aberta para apresentar seus sonhos diante do Senhor. Para apresentar seus medos a Deus, e ficar livre deles.

     2 Cada cristão torna-se uma fonte de vida. Antes uma vida seca, sem luz, sem chão, agora uma vida transbordante capaz de abençoar outras vidas.

     Deus tem o melhor para sua vida: que você se torne bênção na vida de quem está próximo e de quem está longe de você também.

 

“Uma Nova Criatura”

 

III – Uma Nova Criatura em suas experiências com Deus

     A Em sua segurança

“As minhas ovelhas ouvem a minha voz, e eu as conheço, e elas me seguem; eu lhes dou a vida eterna, e jamais perecerão; e ninguém as arrebatará da minha mão”.

(João 10.27,28).

     B Em sua esperança

“Ao justo, nasce luz nas trevas;” (Salmo 112. 4 a).

     C Em sua comunhão com Deus

“Fiel é Deus, pelo qual fostes chamados para comunhão de seu filho Jesus Cristo nosso Senhor.” (I Co. 1.9).

     . Gozamos dessa maravilhosa bênção de podermos desfrutarmos da permanente companhia de Deus em todos os momentos e circunstâncias da nossa vida, de tê-lo sempre ao nosso lado.

 

“Uma Nova Criatura”

 

IV – Uma Nova Criatura no centro de seu próprio ser.

     . O mundo que nos cerca nos impõe, ao longo da nossa história, conceitos e preconceitos os quais ficam acorrentados em nós mesmos. Deixamos nos prender, ficamos cativos.

     . Hoje, milhões de pessoas estão acreditando que as festas carnavalescas vão resolver seus problemas existenciais, sua falta de alegria, seus limites físicos e emocionais e sentimentais, mas quando chega a semana que vem, começa tudo de novo.

     . Em Cristo Jesus há um ponto final, há um rompimento com esse passado de ilusões, há a quebra desses paradigmas, há novo começo, para alguns, um recomeço que não tem fim. É a alegria de uma nova vida. Uma nova vida que vai para a eternidade e atravessa a eternidade.

     É a nova vida, é a nova criatura que nasce da água e do espírito. Deus faz tudo novo em Cristo Jesus, o homem não consegue mais viver na prática do pecado. I João 3.8-10 “Aquele que pratica o pecado procede do diabo, porque o diabo vive pecando desde o princípio. Para isto se manifestou o filho de Deus: para destruir as obras do diabo. Todo o que é nascido de Deus não vive na prática do pecado; pois o que permanece nele é a divina semente; ora, este não pode viver pecando, porque é nascido de Deus. Todo o que é nascido de Deus, não vive na prática do pecado.”.

     Esse é o diálogo de Jesus com um homem que já desfrutava de mais de 70 anos de vida aqui na terra e ainda tinha dentro de si algumas perguntas para fazer, como talvez você tenha também.

     “Perguntou Nicodemos: como pode um homem nascer, sendo velho? ... Jesus respondeu, em verdade, em verdade te digo que se alguém não nascer da água e do Espírito, não pode entrar no Reino de Deus. O que é nascido da carne é carne, e o que é nascido do Espírito é Espírito.”

(João 3. 4 a, 5, 6).

     Essa é a proposta de Jesus para sua vida. Que sua vida se torne uma nova vida. Que a sua vida seja renovada, que sua vida saia do exílio existencial, do exílio do pecado, do exílio emocional, do exílio sentimental, do exílio das incertezas e passe fazer parte de um novo Reino. O Reino de Deus. Que você passe ser governado (a) por Jesus e se torne cidadão (ã) da Cidade Santa, da Nova Jerusalém Celestial, da Terra Prometida por Jesus. Mas isso não começa quando você morre, tudo isso começa agora, quando você abre seu coração, sua vida para Jesus entrar. Ele anseia que você possa confiar sua vida para Ele. Amém.

 

 

Pr. João Roberto Raymundo